NOTÍCIAS
18/10/2019
Plantio do milho atinge 58% da área no Rio Grande do Sul
Os produtores rurais do Rio Grande do Sul semearam até esta semana 58% da área prevista para esta safra. O avanço foi de seis pontos percentuais em relação à semana passada e está avançado em relação aos 52% plantados na mesma época do ano passado e dos 56% da média dos últimos cinco anos. Os dados são da Emater/RS - Ascar, órgão de assistência técnica e extensão rural do governo gaúcho.

A estimativa da Emater/RS para a safra de milho 2019/2020 indica uma área de 771.578 hectares, aumento de 1% em relação à safra anterior e uma produção estimada de 5,948 milhões de toneladas. O zoneamento agroclimático para o milho no Rio Grande do Sul define o período de plantio entre o início de agosto e o final de janeiro.

Segundo o acompanhamento de safra da Emater/RS-Ascar, na região de Santa Rosa, que responde por 15,4% da área do Estado, a semeadura do milho avançou na semana em apenas 1%, atingindo 73% da área estimada. O retorno da chuva foi muito positivo para a cultura, principalmente para a realização da adubação nitrogenada, cujo ponto ideal de aplicação já estava passando em determinadas áreas.

Na regional de Caxias do Sul (13,7% da área do Estado) 20% da área foi plantada, indicando um avanço de 2% em relação à semana anterior. Na regional da Emater/RS-Ascar de Frederico Westphalen (11,9% da área de milho no Estado), 99% das lavouras já foram semeadas e apresentam bom aspecto visual de plantas, com stand uniforme; agricultores realizam adubação de cobertura após as chuvas. Na região administrativa da Emater/RS-Ascar de Ijuí (10,3% da área do Estado), o plantio atinge 98% do total previsto.

Na regional de Soledade (com 9% da área do Estado), foram semeados 47% da área prevista para a cultura. As chuvas volumosas na semana elevaram a umidade do solo e beneficiam o crescimento e o desenvolvimento das lavouras de milho implantadas no cedo, nas quais são iniciados tratos culturais como o controle de plantas invasoras em pós-emergência. Os produtores se preparam para aplicação da primeira adubação nitrogenada em cobertura. Na regional de Passo Fundo (8,2% da área com milho), já foram semeados 80% do total previsto. A boa umidade no solo e a ausência de chuvas permitiram que os produtores intensificassem o plantio.

Soja

A Emater/RS relata que o plantio da oleaginosa no Estado está iniciando lentamente, com algumas áreas plantadas na regional de Ijuí, Santa Rosa e Soledade. Na regional de Ijuí as primeiras lavouras implantadas estão apresentando boa emergência. Na maioria dos municípios da regional de Santa Rosa, os produtores já adquiriram sementes e insumos. A maioria das áreas já está dessecada e, a partir da segunda quinzena de outubro o plantio deve intensificar.

Na regional de Soledade, a semeadura começou de forma lenta. Os produtores concentram-se na dessecação de áreas. A estimativa da Emater/RS-Ascar para a safra de soja 2019/2020 indica uma área de 5,956 milhões de hectares, um aumento de 1,93% em relação à safra anterior e uma produção estimada de 19.746.793 toneladas, a partir de uma produtividade de 3.315 quilos por hectare.

Trigo

A colheita do trigo avançou seis pontos percentuais e atingiu 7% da área prevista de 739,4 mil hectares. Os trabalhos estão atrasados em relação aos 15% colhidos na mesma época do ano passado e dos 18% da média dos últimos cinco anos. O levantamento da Emater/RS constatou que 4% das lavouras encontram-se em fase de floração, 47% estão na fase de enchimento do grão, em 42% delas o trigo encontra-se em maturação.

Segundo a Emater/RS, as primeiras áreas já colhidas se localizam principalmente nas regiões de Santa Rosa, Ijuí e Frederico Westphalen e apresentaram produtividades médias que variam entre 3.100 quilos por hectare e 3.300 quilos por hectare, com PH acima de 78.


Fonte: GloboRural
GALERIA DE FOTOS
Nenhuma imagem cadastrada.
 
OUTRAS NOTÍCIAS
07/01/2020
19/07/2017