NOTÍCIAS
22/07/2019
Comercialização do milho é melhor do que a soja
A comercialização do milho ainda continua sendo melhor do que a da soja, segundo informou o especialista Luiz Fernando Pacheco, analista da T&F Consultoria Agroeconômica. De acordo com ele, isso acontece porque os preços da oleaginosa não estão tão valorizados quanto os do cereal.

“Mesmo tendo recuado nas últimas duas semanas, os preços do milho ainda estão mais atraentes do que os da soja, cujas cotações se afastam cada vez mais do nível pretendido pelos agricultores. Já as do milho ainda estão em um patamar mais aceitável, embora também tenham caído cerca de 5,10% neste mês de julho em relação ao valor do último dia de junho. Nesta sexta-feira, os preços médios em Campinas, principal praça de referência do país, caíram 0,77% para R$ 36,28/saca”, comenta.

Além disso, a colheita já atingiu 63% da área plantada na Safrinha, o que deixa os compradores mais confortáveis, principalmente diante dos estoques finais recordes previstos para esta temporada. Dentre os fatores positivos, estão as cotações relativamente altas de Chicago, a boa demanda internacional, uma maior diversificação de destinos, além das margens maiores que a da soja. Como principais fatores negativos estão o início da competição do milho da Ucrânia e a queda dos prêmios.

“No RS o mercado esteve bem travado, esta semana, com a negociação apenas de alguns volumes pontuais no interior, na casa dos R$ 37,00 FOB, tudo para o mercado interno. Para a exportação nenhum negócio reportado, interesses apenas para o próximo ano, mas, sem fechamento de negócios pelo grande distanciamento entre os pedidos e as ofertas”, completa. 

Fonte: Agrolink
GALERIA DE FOTOS
Nenhuma imagem cadastrada.
 
OUTRAS NOTÍCIAS